Oitenta e poucos

Tenho um amigo já com mais de oitenta anos nas costas, separado há mais de cinquenta. Poucas namoradas sérias, uma ou duas, mas a vida toda mulherengo, sempre fui o homem mais lindo da minha cidade (veio do interior), da minha cidade e da região, faz questão de frisar. Agora, vive para os filhos e [...]

Questão de fé

Meu caçula tem um amigo que está fazendo cursinho para prestar vestibular. Ele, o amigo, ainda não sabe o que quer fazer da vida. A avó sugeriu estudar Teologia. — E o seu amigo sabe o que é isso, filho? — Não sabia até dar um Google. — E aí? — Aí que ele cancelou [...]

Amor profundo

Amor profundo Seu Joaquim, o zelador aqui do prédio, baixinho, baiano namorador, é sempre visto pelo edifício falando manso no celular. É conversador. Outro dia me pegou na garagem para trocar umas ideias mais ele. Lá pelas tantas, faço a pergunta que sempre solto quando conversamos: — E aí, Seu Joaquim, namorando? — Sim, Seu [...]

Promoção

Quando existia o Circo Escola Picadeiro, onde hoje é o Parque do Povo, o pessoal de lá sempre fazia promoções para chamar a atenção do respeitável público. Certa vez, penduraram um automóvel Fiat 147, por um cabo, mais ou menos na altura da lona do circo. Morava ali perto. Toda vez que passava de carro [...]

Reabertura

Neste fim de semana reabriram os clubes da cidade. As medidas adotadas estão “em estrito alinhamento com as diretrizes e orientações das autoridades e órgãos oficiais em saúde pública”, segundo a cartilha preparada pelo meu querido Esporte Clube Pinheiros. Estava com saudades. Foram cento e vinte dias sem colocar os pés lá dentro, sem jogar [...]

Empalhador

Tenho uma cadeira de balanço com o assento e o encosto de palha. Relíquia de família. O assento arrebentou, ficou um buraco. Minha irmã que sabe das coisas, me indicou dois profissionais. Liguei para o primeiro. Pernambucano, simpático, falador. Expliquei a situação, ele me pediu uma foto. Eu disse que pelo número do celular que [...]

Vaidade

Tenho uma amiga toda certinha, que vive de acordo com os protocolos da vida. Na quarentena, não é diferente. Outro dia, entrei no WhatsApp pra saber como ela estava. — Trancada dentro de casa, não saio nem pra levar o Dunga (cachorro) pra fazer cocô. Cento e vinte dias sem dar um jeito nesse cabelo. [...]

Ao léu

Pinheiros é um bairro de livrarias e sebos – só aqui, perto de casa, tem quatro. Passando na frente de um deles, vi esse livro na mureta que protege a árvore bem na porta do estabelecimento. Entrei, disse para o jovem (ou filho do) dono que algum cliente havia esquecido uma obra na calçada. Isso [...]

Coisas da vida

Seu Joaquim é o zelador do prédio em que eu moro. Baiano, bem baixo. Gente boa. Resolve qualquer problema em casa, no edifício e nas redondezas. No meio da tarde, Seu Joaquim tocou a campainha. Segurava uma gravata. — Ô, Seu Leo, sabe dar nó? — Seu Joaquim, você sabe construir uma casa e não [...]

Lugar de gente (in)feliz!

Deixei de ir ao supermercado Pão de Açúcar por uns tempos por causa daquela musiquinha que toca o tempo todo no som ambiente: Felicidade, é viver na sua companhia Felicidade, é estar contigo todo dia Felicidade, é sentir o cheiro dessa flor Felicidade, é saber que eu tenho seu amor… O tempo todo! Saía de [...]